Outras Páginas...

Sejam bem vindos ao Reticências... "(...)

sábado, 10 de maio de 2014

Toque aveludado



Se eu pudesse ser algum elemento da natureza eu seria o vento, mas eu não queria ser somente o vento, gostaria de ser a brisa... Que toca suavemente por onde passa sem causar transtornos ou medo...

sábado, 15 de março de 2014

Simples assim...



 Estava andando por uma estrada partida, 
onde não via esperança nem tão pouco o amor...
Mas um dia tudo saiu do seu devido lugar, 
e eu sem entender me movo sem saber...
indo para um lugar onde nunca imaginei estar...
Sentimentos que achava nunca mais sentir...
mas o Senhor me trás de volta a simples satisfação em respirar, 
em me levantar todas as manhãs.
E onde só havia espinhos, criou-se o mais belo jardim
:Amar sentir e deixar se sentir.

domingo, 9 de março de 2014

Por um tempo que vai e não volta


Temos tantas coisas pra fazer e às vezes nos prendemos a uma só e com isso...

:a vida passa

Temos tantas coisas pra viver tantas coisas pra descobrir e às vezes não conseguimos fugir da nossa caverna....

:e a vida continua a passar...

Temos tanto sol brilhando lá fora, tantas pessoas esperando por nós, e às vezes ficamos à toa e com isso...

: a vida vai passando...

Temos tantos galhos pra deixar crescer, tantas flores pra desabrochar e nós estamos ali, com medo de crescer atrofiando as raízes, e com isso...

:a vida vai...

Temo que o tempo esteja sendo gasto de forma errada, focos desfocados, traços forçados,  linhas ocultas,  ilusões a solta, vida pendente,  choro sem lágrima, sorriso sem alegria...

Tá....a vida passa... a vida vai... o tempo corre...o tempo voa... o tempo vai...na velocidade (in)constante...mas, a minha capacidade de raciocínio determinará o que será melhor.... e que não me falte responsabilidade pra a arcar com as consequências dos meus atos.... e que eles sejam os melhores daqui pra frente!

terça-feira, 4 de março de 2014

You can be happy!!!



Diante do que somos do que fomos
Nos tornamos o que somos no instante agora
Diante do que deixamos e do que levamos
Carregamos presentes e também deixamos alguns pela estrada afora 
Fomos guiados e guiamos pessoas que encontramos no caminho
Na estrada da vida
Na luta pela sobrevivência

Há sempre alguém pra fazer parte da nossa vida, há sempre um lugar pra conhecer, há sempre um dia pra viver e há sempre um novo eu a ser descoberto. Somos objetos do acaso, resultados das escolhas e guardiões das consequências. O que a gente não aprende com os outros a vida ensina, ainda bem que não sabemos tudo, pois o não saber nos move e nos leva além. 

Somos uma vida em um milhão, somos um eu no meio de vários nós, somos primeira pessoa, terceira pessoa, somos uma pessoa em qualquer posição! Somos um alguém e somos ninguém! Podemos ser o nada e podemos ser tudo! 

Sobre a vida e sobre o viver nos resta apenas saber que a vida é única e que viver depende unicamente e exclusivamente de cada um de nós!

Se acha que a vida está ruim, faça-a melhorar, somente nós mesmos somos capazes de mudar o nosso hoje e fazer um amanhã melhor.

segunda-feira, 3 de março de 2014

Por que algumas vezes sentimos um nó na garganta?






Eu quis chorar, mas o nó da garganta me disse:

"Vai, que eu estou segurando sua lágrima, você pode estar frágil agora, mas mostre ao mundo que você é forte e que vai vencer, quando seu choro for de alegria eu o libero..."

Nara Aragão

domingo, 2 de março de 2014

O que é?



O que é a vida senão uma sucessão de fatos?
O que é o tempo senão um aglomerado de segundos, minutos, horas e dias?
O que é uma pessoa senão um turbilhão de qualidades, defeitos e sentimentos?
O que é o nada senão o início de tudo ?
O que é viver senão aproveitar cada momento que temos?
O que é a alma senão a nossa parte mais próxima do Criador?
O que são os nossos sonhos senão as coisas que nos fazem ir além da nossa capacidade?
O que são os amigos verdadeiros senão aqueles que estão com a gente em todos os momentos?
O que é o amanhecer senão o final de uma noite?
O que são as vitórias senão os resultados das lutas?

:Perguntas!
:Respostas?



quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Vida simples



Que venha leve,
que seja simples,
:mas que tenha um verdade intensa...

Primeiro post do ano... virei mais uma vez...



Virei, virei mais um dia e uma noite, a partir desse momento ganho mais um ano de presente da vida – obrigada Deus, obrigada Criador. Virei uma pessoa melhor, pior ou neutra? Não sei, sei apenas que regressei ou evolui conforme a lei da sobrevivência. Felizmente ou infelizmente aprendi a falar menos, ouvir mais, mas acabei me prendendo no meu mundo e nesse mundo em que estou só tenho longos monólogos, grandes sonhos, muita esperança e também tem o lado oposto, pois é claro que tem o lado oposto esse mundo foi criado por um ser humano e só por isso não é perfeito... Perco-me nos mais loucos pensamentos e objetivos de vida, afim de que um dia eu possa ver minhas metas alcançadas, mas o desespero bate por ver o tempo passar e parecer que meus passos são tão lentos, tão lento... Canso de ter a sensação de andar em círculos, canso de ver coisas a minha volta que não condiz com os meus princípios... Certo? Não sei o que é certo ou errado, sei que vivo, julgo, opino e observo as demais pessoas, tento me espelhar nos melhores exemplos, tento seguir pelo caminho certo, mas parece que meu caminho é tão longo, meus monstros são tão grandes e minhas barreiras se multiplicam. Mas, não sei, sabe? Não sei mesmo, pois tem horas que algo muito bonito brilha, nasce da imensidão de sentimentos tristes e confusos, nasce uma esperança, ou melhor, ela não nasce ela está em mim, como sempre esteve o tempo todo, só que por vezes ela fica escondida atrás dos meus grandes monstros, aquém das minhas fraquezas, refém das minhas angústias e é isso! Mais um ano de vida e minha esperança renasce como uma fênix das cinzas... Mais um ano que passa e eu só posso agradecer por tudo que aconteceu desde as coisas boas até as ruins...


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...