Outras Páginas...

Sejam bem vindos ao Reticências... "(...)

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

"É preciso ser paciente." (O Pequeno Príncipe)




     É preciso ser paciente quando vem uma vontade, mas falta materiais na mão para concluir o desejado. Sabendo-se que nem tudo acontece no momento em que desejamos, mas sim nos momentos em que são permitidos que aconteçam as coisas. Os prazos determinados pela vida, pelos pensamentos, nem sempre caminham na mesma velocidade que os nossos. O tempo que parece lento, às vezes nos engana passando rápido e assim também acontece vice-versa...

    Acontece que os passos largos dependem da nossa coragem de encarar os desafios, só que passos curtos às vezes são necessários por serem mais seguros. E o que há para esses momentos, tentar, entender o mistério da vida junto a nossa necessidade e ao nosso ritmo... Interpretar fatos é fácil, difícil é fazer com que eles se mostrem claros em momentos de dificuldades, mas é superável! Até hoje não sobreviveu uma lágrima no meu rosto - todas escorreram e deram lugar ao sorriso...

     É preciso ter coragem! Não é fácil viver, tudo é complicado, tão difícil tudo isso, tantas situações desgastantes, tantas brigas, tanta angústia, tanto desespero, tantos problemas, tantas doenças, tantos famintos, tantos obesos, tantos alguém e somente um ninguém... Sabe, tudo o que há de negativo, tudo o que há de ruim e de difícil, são simplesmente as lições que temos mais dificuldades... Não seja o ninguém da história, o melhor é fazer a diferença... Na vida não existe UM personagem principal. Já parou pra pensar uma coisa? "Você é O Personagem principal da sua própria vida!"...

     Tenho tanto tédio frente a futilidades, que meu tempo, quando exposto a essas situações: MORRE! Tenho pavor de mim mesma quando me deixo embalar pela falta de criatividade de fazer minha vida melhor! Tenho inúmeros problemas com meus "eus", ai como eles são rebeldes! Tenho tanto, mas tantos defeitos - ainda bem! Sabe porquê? Isso me faz ser um ser humano "normal" - como melhor eu diria isso: "normal na medida do impossível"... A balança da vida sempre pesa mais de um lado do que do outro...
    


Por: Nara Aragão






07/07/2011
22h15

Um comentário:

  1. Nara,
    É isso, como diz o poeta:
    "É preciso estar atento e forte, não temos tempo de temer a morte." Belo texto.
    Um beijo
    Denise

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...