Outras Páginas...

Sejam bem vindos ao Reticências... "(...)

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Até que alguém olhe pra mim...

Apareço!
Quem me vê não escuta meu barulho,
o silêncio está comigo,
e comigo também estão muitos momentos de
:reflexão!

Brilho!
Não sou estrela,
Não sou avião,
Não sou cometa,
muito menos um ovni!

Velo!
Velo o sono do sol
quando a noite acorda.
Velo o sono das pessoas
quando elas se entregam 
no momento de maior fragilidade do ser humano
: o sono!

Desapareço!
Quando paro pra analisar tudo o que vi enquanto
estava lá
: pairando no céu a olhar pra Terra
observando tudo o que acontecia
enquanto todos dormiam
e eu estava acordada!


Guardo!
Muitos segredos contados,
Muitas juras de amor eterno,
Muitos sonhos em que eu estava envolvida,
Muitas momento de calmaria com minha presença
Muitas reflexões feitas,
Muita paz em momentos de desespero,
Muita vida em uma atitude tão simples que vejo as pessoas 
olhando pra cima e percebendo:
: "É um prazer estar vivo e poder contemplar essa imagem..."

Silêncio!
A voz mais alta que escuto é
:o silêncio
A maior virtude é
:a contestação e chegar a conclusões
O maior objetivo é
:atingir a paz interior...

Prazer!
: Lua mãe, que todas as noites guarda!
Independente de minguante ou cheia...
Ausente ou presente
Sempre a olhar por todos que se deixam olhar por mim...



     Muitas vezes em situações de tristeza a lua apaziguou muito sentimento de angústia e desespero,  fazendo com que o simples fato de observar essa beleza natural trouxesse um pouco de paz interior indescritível...

Por: Nara Aragão

4 comentários:

  1. Se consegue fazer isso em alguns minutos de apreensão... imagino quanta coisa boa poderá sair dessa cabecinha... ^^ Adorei o post... muito bem escrito... e mostra muito uma evolução só sua...

    Gostei bastante, minha menina!!!

    *-*

    ResponderExcluir
  2. Nessa cabecinha ñ mora muita coisa não... Tenho ideias relâmpago elas vêm e vão numa velocidade muito rápida...rssss

    mas, quando sair alguma coisa por aqui estará...
    =)

    ResponderExcluir
  3. Nice words...
    Greetings from France,

    Pierre

    ResponderExcluir
  4. Nessa cabecinha tem o melhor dos tesouros que qualquer poeta gostaria de ter plenamente: a sensibilidade!!

    A Parabenizo por isso, minha linda poeta!
    *_*

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...