Outras Páginas...

Sejam bem vindos ao Reticências... "(...)

domingo, 5 de junho de 2011

Ônibus – anda : Ônibus – ando














(gerundiando)

Ônibus anda
Anda ônibus
Ônibus ando
Nele filosofando
Pela janela no antro
Do mundo
Sonhando
Andando
Daqui pra lá
De lá pra cá
Em cá esperando
Formoso
Esticando o braço
Mostrando
Espanto
De ver o ônibus passando!
> Tchau!!!


 









Nara Aragão
11/01/2010

3 comentários:

  1. Bela observação sobre o cotidiano. Tudo isso com a linda contribuição do dom lhe dado pelo ceiador
    : o fazer-poético.

    Fraterno Abraço
    e
    Beijo terno.

    ResponderExcluir
  2. Ficou engraçadinho esse poema...rsss

    Dankin pelo comentário...
    *.*

    ResponderExcluir
  3. AMO de PAIXÃO esse poema.

    Consagração evidente da poesia: seja em texto, na expressão da diagramação, na imagem bem elaborada, em todos os contextos não temos saída sem nos depararmos com a verdadeira poesia.

    É uma delícia ler este poema. (Sem mais)

    Novamente, AMO ESSE POEMA!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...